Senado aprova plebiscito que visa criação de dois novos estados.

Nesta Terça Feira (31), foi aprovado no senado a realização de um plebiscito sobre a criação de dois novos estados que dividiram o estado do Pará.

Os novos estados seram criados afim de não deixar um único governo dirigindo uma grande área teritorial.Os Prefeitos das cidades mais afastadas reclamam da distância da capital e a falta de investimento nessa áreas.

Um dos estados Tapajós ocuparia 58% da área do estado do Pará com no total 27 municípios sendo a capital do estado a cidade de Santarém.O outro estado totalizaria 25% da área do atual estado do Pará e teria mais municípios que o novo estado de Tapajós mesmo sendo menor que o outro novo estado, Carajás como será chamado o novo estado se for aprovado o plebiscito terá 39 municípios.

Economistas dizem que os dois novos estados seriam completamente inviáveis e para dar continuidade precisariam de ajuda financeira federal para arcar com as novas administrações públicas.

Vale frizar que no caso do estado de Carajás José Sarney presidente do Congresso Nacional deverá divulgar um decreto aprovando a realização da consulta popular, Tapajós foi aprovado somente no plenário da câmara só falta a aprovação no Senado.

“O economista do Ipea fez cálculos, a pedido do G1, considerando os dados mais recentes disponíveis, referentes a 2008, e concluiu que os estados do Tapajós e de Carajás teriam, respectivamente, um custo de manutenção de R$ 2,2 bilhões e R$ 2,9 bilhões ao ano. Diante da arrecadação projetada para os dois estados, os custos resultariam num déficit de R$ 2,16 bilhões, somando ambos, a ser coberto pelo governo federal, conforme o especialista do Ipea.”(fonte: G1)

“O PIB do Pará em 2008, ressaltou o economista, foi de R$ 58,52 bilhões, e o estado gastou 16% disso com a manutenção da máquina pública. O estado do Tapajós gastaria cerca de 51% do seu PIB e o de Carajás, 23%. A média nacional é de 12,72%. “Nessas bases, não tem estado que se sustente”, afirma Boueri.”(fonte: G1)

 

Anúncios

O que você achou da notícia? Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s